Grande ABC cria Fórum da Indústria Regional - Consórcio Intermunicipal Grande ABC

Notícias

Fotos: Adonis Guerra

Grande ABC cria Fórum da Indústria Regional

Ação é um dos encaminhamentos após o evento “Futuro da Indústria no ABC”, realizado nesta quarta-feira (18/5)

18/05/2022

Representantes do poder público, da iniciativa privada e de entidades representativas do Grande ABC deliberaram, nesta quarta-feira (18/5), a criação do Fórum da Indústria Regional, dedicado à retomada do setor nas sete cidades e com o objetivo de pautar também ações dos governos estadual e federal na região.

O assunto foi tema do evento “Futuro da Indústria no ABC”, organizado pela Agência de Desenvolvimento Econômico Grande ABC na Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). O encontro contou com apoio do Consórcio Intermunicipal Grande ABC e do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp).

O encontro reuniu representantes do Governo do Estado, da Assembleia Legislativa, da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), da Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim), do Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores (Sindipeças), do Sindicatos dos Metalúrgicos do ABC, do Sindicato dos Químicos do ABC, do Polo Petroquímico, além de universidades, associações comerciais, secretarias municipais de Desenvolvimento Econômico, Câmaras Municipais e prefeitos do Grande ABC.

O presidente da Agência de Desenvolvimento, Aroaldo Oliveira da Silva, ressaltou que o Fórum da Indústria contatará com integrantes indicados pelas sete prefeituras, pelas universidades, pela indústria, pela Agência de Desenvolvimento, pelo Consórcio ABC e pelo Governo do Estado.

“Temos todo um potencial para desenvolver ações na nossa região, articular com os governos estadual e federal para a reorganização e readensamento da indústria das sete cidades, com objetivo de manter a pujança do Grande ABC”, afirmou.

A abertura solene do evento contou com a participação do vice-presidente do Consórcio ABC e prefeito de Ribeirão Pires, Clovis Volpi, do prefeito de São Caetano do Sul, José Auricchio Júnior, anfitrião do encontro, e dos chefes dos Executivos municipais de Mauá, Marcelo Oliveira, e de Rio Grande da Serra, Claudinho da Geladeira, e da vice-prefeita de Diadema, Patty Ferreira.

O vice-presidente do Consórcio ABC destacou a importância do encontro para a retomada do crescimento na região. “Precisamos estar sempre atualizados, por isso é fundamental a participação do poder público nessa discussão”, afirmou Volpi.

Para o prefeito anfitrião, debater o tema é fundamental após dois anos de pandemia e em um momento em que ocorre a retomada das atividades econômicas. “Não temos que pormenorizar de quem é a reponsabilidade disso ou daquilo, mas sim encontrar forças e caminhos”, disse Auricchio.

O governador Rodrigo Garcia foi representado no evento pela secretária estadual de Desenvolvimento Econômico, Zeina Latif. “Nossas políticas públicas serão mais eficientes quanto mais nós pudermos estreitar nossa proximidade com os atores locais, como as prefeituras, as empresas, as entidades de classe e os sindicados”, pontuou Zeina.

Antonio Megale, diretor de Assuntos Governamentais da Volkswagen e vice-presidente da Anfavea, destacou os trabalhos em andamento visando à reindustrialização. “Precisamos juntar forças para manter e reforçar a indústria automobilística. Estamos passando por um momento único na história, com uma mudança extraordinária nesse segmento”, afirmou Megale.

O presidente da Abiquim, Ciro Marino, ressaltou que a indústria deve promover a interlocução com os sindicados e a academia. “Temos que formar profissionais qualificados. Não temos um horizonte favorável nos próximos anos para preencher nossos quadros com mão de obra especializada. Precisamos de um plano urgente para que esse quadro seja revertido”, explicou Marino.

Ainda no período da manhã, o público acompanhou uma palestra sobre macrotendências da indústria, ministrada pelo vice-presidente da Federação e Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp/Ciesp), Rafael Cervone. À tarde, a programação contou com painéis temáticos sobre problemas enfrentados pela indústria no Grande ABC, oportunidades e agenda regional.

Tags

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO